Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Programa de Mobilidade Virtual em Rede terá sua 2ª edição em maio com a participação de 12 universidades
Início do conteúdo da página

Programa de Mobilidade Virtual em Rede terá sua 2ª edição em maio com a participação de 12 universidades

  • Publicado: Segunda, 26 de Abril de 2021, 15h40
  • Última atualização em Segunda, 26 de Abril de 2021, 17h01
  • Acessos: 384

No início do ano, a UFSB apresentou o Programa de Mobilidade Virtual em Rede IFES (Promover IFES), uma ação promovida pelas Reitorias da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Universidade Federal de Goiás (UFG) e a Universidade Federal do Rio Grande (FURG) que possibilita a mobilidade acadêmica virtual entre as Instituições de Ensino Superior da Rede por meio da oferta de disciplinas/componentes curriculares nos cursos de graduação que podem ser cursadas por estudantes regularmente matriculados nas suas instituições de ensino de origem.

Com essa ação, as universidades apresentaram um projeto piloto que facilitou o processo de mobilidade acadêmica no contexto da pandemia de Covid-19, permitindo uma maior integração do sistema de ensino superior por meio de um relevante diálogo inter-regional e intercultural para a formação dos estudantes e qualificação do ensino.

O sucesso dessa iniciativa já pode ser mensurado: a próxima edição, que será intermediada pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), acontecerá no mês de maio e terá 12 universidades de todas as regiões do Brasil, sendo elas: UFPA, UFRA, UFRN, UFV, UFU, UFES, UnB, UFSM, UFB, UFSB, UFMA, FURG.

O sucesso foi tanto que, Joice Nunes, estudante da UFMA que está cursando componentes na UFSB, afirma: “Acredito que participar do programa possa enriquecer minha experiência acadêmica, podendo ter aulas com professores de outras universidades em minha área. Tenho planos para ingressar no mestrado assim que acabar a graduação e sondar universidades, professores e conteúdos é essencial para minha decisão”. E conclui: “Como estou tendo uma ótima experiência com o programa, pretendo continuar assim que possível me inscrevendo em outras disciplinas.”

Fique atento às novidades na página do Programa.

 

Informações: Coordenação do Programa de Mobilidade Acadêmica 

registrado em:
Fim do conteúdo da página