Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > UFSB atua como facilitadora no Projeto Verticaliza do MEC com projeto pioneiro de Curso Superior de Tecnologia em Produção de Cacau e Chocolate
Início do conteúdo da página

UFSB atua como facilitadora no Projeto Verticaliza do MEC com projeto pioneiro de Curso Superior de Tecnologia em Produção de Cacau e Chocolate

  • Publicado: Sexta, 05 de Agosto de 2022, 14h25
  • Última atualização em Sexta, 05 de Agosto de 2022, 14h34
  • Acessos: 516

A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), devido à proposta pioneira no país da criação de curso superior de tecnologia a partir de itinerários formativos contínuos, foi convidada a participar como facilitadora no Projeto Verticaliza, do Ministério da Educação. Este projeto, lançado em abril de 2022, é coordenado pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec/MEC) e objetiva proporcionar aos/às estudantes o aproveitamento dos estudos de cursos técnicos para os cursos superiores de tecnologia.

A proposta do Curso Superior de Tecnologia em Produção de Cacau e Chocolate, em processo de análise para implantação na UFSB, está focada no estabelecimento de um itinerário formativo contínuo, considerando a construção de um percurso em que o/a estudante inicia as atividades em um curso técnico, ofertado pela Secretaria de Educação do Estado da Bahia (SEC-BA) e, após o término, ingressa na UFSB para dar continuidade aos seus estudos e formação em um curso superior de tecnologia.

A partir de uma construção coletiva, que envolve professores/as da SEC-BA e da UFSB, foram elaborados os projetos pedagógicos do curso técnico (SEC-BA), com ênfase em agroindústria, e do curso superior de tecnologia (UFSB), focado, especialmente, na cadeia produtiva de cacau. O PPC da UFSB foi elaborado pelos Centros de Formação em Ciências Agroflorestais (CFCAf) e em Tecnociências e Inovação (CFTCI), coordenado pelo professor Carlos Eduardo Pereira, tendo o curso previsão de início para o primeiro período letivo de 2023. Tal concepção conjunta objetiva viabilizar uma melhor otimização dos recursos materiais, financeiros e humanos, e, principalmente, o aproveitamento de estudos do curso técnico para o curso superior, sendo este o principal objetivo do Projeto Verticaliza.

Uma das primeiras ações do Projeto Verticaliza foi a publicação do Edital n. 140/2022, pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), instituição parceira da Setec, que objetiva ofertar curso de aperfeiçoamento tecnológico, para planejamento e desenvolvimento de projetos pedagógicos de cursos (PPCs) de educação profissional técnica de nível médio articulados com cursos de educação profissional tecnológica de graduação. Com isso, pretende promover a adesão de instituições educacionais do Brasil que tenham interesse em desenvolver esse tipo de curso.

O curso de aperfeiçoamento, organizado em seis módulos consecutivos, totaliza 180 horas de atividades e disponibilizou vagas para a capacitação de 260 profissionais da educação em seis turmas, de 65 instituições, para a construção de PPCs. A UFSB, junto com o Centro Paula Souza (CPS) de São Paulo, está responsável pela elaboração do módulo “Experiências nacionais, articulação de ensino médio e ensino superior”, com carga horária de 30h, elaborado pelo professor Carlos Eduardo Pereira e pelo professor Fabio da Silva do Espírito Santo, coordenador de graduação da UFSB, sendo responsáveis pela articulação da universidade com a SEC-BA, em colaboração com a Superintendência Itaú Educação e Trabalho.

O projeto do Curso Superior de Tecnologia compreende uma das ações previstas no Plano de Desenvolvimento da Unidade (2021-2022) da Diretoria de Ensino-Aprendizagem da Pró-reitoria de Gestão Acadêmica (DEA/PROGEAC).

 

Texto: PROGEAC

registrado em:
Fim do conteúdo da página