Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Agenda da Reitoria durante a 9ª CLACSO estabeleceu novos contatos internacionais
Início do conteúdo da página

Agenda da Reitoria durante a 9ª CLACSO estabeleceu novos contatos internacionais

  • Escrito por Heleno Rocha Nazário
  • Publicado: Quarta, 22 de Junho de 2022, 16h39
  • Última atualização em Quarta, 22 de Junho de 2022, 16h42
  • Acessos: 335
 
clacso2022 01A nona edição da Conferência Latino-americana e Caribenha de Ciências Sociais (9ª CLACSO) ocorreu de 7 a 10 de junho na Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM), na Cidade do México. A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) esteve presente, representada pela reitora, professora Joana Angélica Guimarães da Luz, e pelo assessor de Relações Internacionais, professor Guilherme Fóscolo de Moura Gomes. Dentro da agenda do evento, a professora Joana apresentou a palestra "Desafios do Ensino Superior no Brasil" no Fórum de Reitores da CLACSO. A Conferência é um evento do Conselho Latino-americano de Ciências Sociais, de mesma sigla.
 
O evento foi proveitoso para o reforço de parcerias já existentes e o estabelecimento de novos contatos promissores. Uma das reuniões foi com o secretário geral da União de Universidade da América Latina e do Caribe (UDUAL), Dr. Rodrigo Escalante Semenera. A filiação da UFSB à rede é uma possibilidade de integração a uma relevante organização acadêmica internacional. 
 
Na agenda da representação da universidade também constaram reuniões com gestores e gestoras de outras instituições de ensino superior da América Latina, como a reitoria da Universidade Nacional das Artes (Argentina), Dra. Sandra Torlucci; com o vice-reitor da Universidade Real e Pontifícia de San Francisco Xavier (Bolívia), Dr. Zénon Peter Campos Quiroga; e com a reitora da Universidade de Cuenca (Equador), Dra. Maria Augusta Hermida. Os contatos abriram caminho para que as instituições estabeleçam Acordos de Cooperação Técnica (ACT), o que pode resultar em novas parcerias internacionais e incrementos nos programas de mobilidade e pesquisa. Conforme o professor Guilherme Fóscolo (ARI/UFSB), o prazo mínimo para um ACT ser firmado é de três meses, e o trabalho nesse sentido será desenvolvido durante o segundo semestre deste ano.
 
A equipe da UFSB também se reuniu com o coordenador de Relaciones y Asuntos Internacionales da UNAM, Dr. Francisco José Trigo Tavera para discutir vias de ampliação e funcionamento do acordo de cooperação técnica firmado entre as duas instituições. A expectativa, afirma o professor Guilherme, é de que o ACT seja renovado e que a UNAM entre na lista de instituições abrangidas no edital de mobilidade da Assessoria de Relações Internacionais da UFSB, que sai em 2022 para vigência em 2023, fortificando os laços entre as universidades.  
Outras reuniões realizadas durante a CLACSO foram com a reitora da Universidad Nacional de Asunción, Dra. Zully Vera de Molinas; com o reitor da Université d’Etat d’Haiti, Dr. Fritz Deshommes; e com o diretor de Investigación do CLACSO, Dr. Pablo Vommaro. Nas pautas, a proposição de ACTs entre a UFSB e as universidades estrangeiras e, com o CLACSO, a possibilidade de filiação da universidade ao Conselho. Essas são novas portas para a ampliação do leque de parcerias internacionais para diversas atividades, em especial para os programas de mobilidade e pesquisa. O assessor de Relações Internacionais, professor Guilherme Fóscolo, afirma que "o CLACSO é um conselho de importância ímpar para a pesquisa em humanidades na América Latina". 
 
O professor Guilherme adianta ainda outras ações da UFSB no campo das Relações Internacionais para este ano: "Sairá ainda este ano o edital de mobilidade/intercâmbio para 2023. A ARI também está planejando expandir seus canais de divulgação para o Instagram e deverá realizar encontros com a comunidade acadêmica na semana de acolhimento".
 
registrado em:
Fim do conteúdo da página